Tudo é providência...  escrito em sábado 28 janeiro 2012 23:46

Blog de amoavida :É preciso saber viver..., Tudo é providência...
permalink

SER HUMANO  escrito em sábado 28 janeiro 2012 23:45

Blog de amoavida : É preciso saber viver..., SER HUMANO

 

Em minha vida, simbolicamente, dobrei algumas esquinas, pulei alguns obstáculos, cai em outros também.


Fui palco e ator, fui luz e descontrole, fui compositor e colaborador.

Fui negro, branco, amarelo e até mesmo cafuzo. Fui confuso e detalhista, caminhei por horas sem sentido.

Ouvi a razão e o coração, também já me levantei do chão.

Fiz um blues, fiz canções e criei histórias.

Me zanguei, tranquilizei, até mesmo, viajei. Viajei!

Também fiquei sentado em frente ao mar esperando a resposta vim.

Aprendi a superar o saudosismo, claro, não perdi o romantismo.

Meus olhos enxergam o realismo, escrevendo então, a ficção.

Eu digo sim, eu digo não.

Às vezes chego até a exaustão.

Às vezes não. Não!

Preciso aprender a fazer mais de uma coisa de uma vez.

Não há complicação, somos seres de carne, luz e emoção.

Ninguém escapa dessa verdade.

No final, quem deixa de lado a sua vaidade.

Vive mais e melhor, tem até mais credibilidade.

Deixo de lado a saudade e sigo em frente sem dó.

Quem tiver em minha frente ande.

Quem não tiver, acelere.

Não espero vencer nada.

Espero apenas chegar e encontrar todos por lá.

Autor: Joamir Barros - http://livros-ebook.blogspot.com/2012/01/ser-humano.html

permalink

Brincadeira de criança...  escrito em segunda 23 novembro 2009 13:43

Blog de amoavida :É preciso saber viver..., Brincadeira de criança...
As crianças processam rapidamente uma grande quantidade de informações sobre o mundo. Em um curto espaço de tempo, elas aprendem a falar e entender a fala, a comer, a andar e muitas outras coisas. Durante esse período de intenso aprendizado, elas passam boa parte do tempo brincando. Leve em consideração o valor de brincar. É uma atividade de baixo risco que permite a você baixar a guarda. Não importa realmente se você perde algum jogo – isso não vai tirar sua casa de você. Numa atividade de tão baixo risco como brincar, você fica mais aberto a novas idéias e novas formas de pensar. Brincar é relaxante. É uma oportunidade de conhecer gente e dividir experiências positivas. Pode ser desafiante e instrutivo. Pode gerar autoconfiança. E claro que é divertido. Se não for divertido, não é brincadeira. Separe sempre algum tempo para brincar. Faça algo somente para se divertir. Você pode acabar aprendendo algo novo.
permalink

CoNtRaStEs  escrito em segunda 23 novembro 2009 13:30

Blog de amoavida :É preciso saber viver..., CoNtRaStEs
A vida é feita de contrastes, tipo imagem no espelho onde vemos tudo ao contrário: quem mais amamos não nos ama, e quem nem imaginamos suspira por nós. Sonhamos com um curso e fazemos outro, queremos uma viagem e ela nunca acontece, criamos quadros de felicidade, que desmoronam sozinhos com a dura realidade, e nos perguntamos sempre: por quê? Nem sempre encontramos o mar que desejamos, se queremos navegar, queremos o mar sereno, se queremos surfar, rezamos pelas ondas altas, e se vamos pescar, preferimos calmaria, como agradar tanta gente e tantos sonhos? Através dos contrastes, a vida vai ensinando, que até o ódio é uma forma contrária de amar, que a nossa tristeza é sempre passageira, que à alegria sim, é a nossa companheira, e que se um sonho é destruído, outro deve ser colocado em seu lugar Por tantos contrastes, podemos dizer: "aprendemos com a dor a valorizar ainda mais, as conquistas que a vida proporciona, com fé, esperança e amor."
permalink

Talvez...  escrito em sexta 20 novembro 2009 02:24

Blog de amoavida :É preciso saber viver..., Talvez...

Talvez eu venha a envelhecer rápido demais.
Mas lutarei para que cada dia tenha valido a pena.
Talvez eu sofra inúmeras desilusões no decorrer de minha vida.
Mas farei que elas percam a importância diante dos gestos de amor que encontrei.
Talvez eu não tenha forças para realizar todos os meus ideais.
Mas jamais irei me considerar um derrotado.
Talvez em algum instante eu sofra uma terrível queda.
Mas não ficarei por muito tempo olhando para o chão
Talvez um dia o sol deixe de brilhar.
Mas então irei me banhar na chuva.
Talvez um dia eu sofra alguma injustiça.
Mas jamais irei assumir o papel de vítima.
Talvez eu tenha que enfrentar alguns inimigos.
Mas terei humildade para aceitar as mãos que se estenderão em minha direção.
Talvez numa dessas noites frias, eu derrame muitas lágrimas.
Mas não terei vergonha por esse gesto.
Talvez eu seja enganado inúmeras vezes.
Mas não deixarei de acreditar que em algum lugar alguém merece a minha confiança.
Talvez com o tempo eu perceba que cometi grandes erros.
Mas não desistirei de continuar trilhando meu caminho.
Talvez com o decorrer dos anos eu perca grandes amizades.
Mas irei aprender que aqueles que realmente são meus verdadeiros amigos nunca estarão perdidos.
Talvez algumas pessoas queiram o meu mal.
Mas irei continuar plantando a semente da fraternidade por onde passar.

Talvez eu fique triste ao concluir que não consigo seguir o ritmo da música.
Mas então, farei que a música siga o compasso dos meus passos.
Talvez eu nunca consiga enxergar um arco –íris.
Mas aprenderei a desenhar um, nem que seja dentro do meu coração.
Talvez hoje eu me sinta fraco.
Mas amanhã irei recomeçar, nem que seja de uma maneira diferente.
Talvez eu não aprenda todas as lições necessárias.
Mas terei a consciência que os verdadeiros ensinamentos já estão gravados em minha alma.
Talvez eu me deprima por não ser capaz de saber a letra daquela música.
Mas ficarei feliz com as outras capacidades que possuo.
Talvez eu não tenha motivos para grandes comemorações.
Mas não deixarei de me alegrar com as pequenas conquistas.
Talvez a vontade de abandonar tudo torne-se a minha companheira.
Mas ao invés de fugir, irei correr atrás do que almejo.
Talvez eu não seja exatamente quem gostaria de ser.
Mas passarei a admirar quem sou.
Porque no final saberei que, mesmo com incontáveis dúvidas, eu sou capaz de construir uma vida melhor.
E se ainda não me convenci disso, é porque como diz aquele ditado: “ainda não chegou o fim”
Porque no final não haverá nenhum “talvez” e sim a certeza de que a minha vida valeu a pena e eu fiz o melhor que podia.


Sônia Carvalho

permalink
|

Abrir a barra
Fechar a barra

Precisa estar conectado para enviar uma mensagem para amoavida

Precisa estar conectado para adicionar amoavida para os seus amigos

 
Criar um blog